segunda-feira, 2 de julho de 2018

Resfriado em bebês e crianças - Dicas!


Há uma razão para os resfriados em bebês serem comuns. A maior parte das crianças saudáveis pegam 8 a 10 infecções virais nos 2 primeiros meses de vida. E aqui estão algumas dicas sobre o que você precisa saber sobre resfriados comuns em bebês, desde as causas até os sintomas, duração e tratamento.

MOTIVO DE RESFRIADO DE BEBÊS
Resfriados, também conhecidos como infecções respiratórias superiores, são causadas por vírus. Estes vírus são transmitidos através de contato físico, contato com saliva de tosse ou espirros e contato com algum objeto que tenha sido contaminado com o vírus. Existem mais de 200 vírus causadores de resfriados, o que explica o motivo dos resfriados serem tão comuns.
Bebês e crianças pequenas apresentam muitos episódios de nariz escorrendo porque eles ainda não tiveram a chance de construir imunidades contra os diferentes vírus em circulação. Embora esses resfriados frequentes sejam duros para o nariz do seu bebê, eles não causam nenhum dano - na verdade, eles podem fazer bem para o seu bebê. As lutas frequentes contra os resfriados podem melhorar o sistema imune do bebê, fazendo com que ele fique menso susceptível à infecções mais tarde, quando crescer.


SINTOMAS DE RESFRIADOS EM BEBÊS
Felizmente, a maior parte dos sintomas de resfriados em bebês são leves e incluem:
  • Nariz escorrendo (primeiro com aspecto aguado e depois opaco, às vezes amarelo ou verde)
  • Congestionamento nasal
  • Espirros
  • Febre leve (às vezes)
  • Tosse seca (que pode ficar pior à noite e no final do resfriado)
  • Dor de garganta (o que não é fácil de se detectar em um bebê)
  • Fadiga ou irritabilidade
  • Perda de apetite

QUANTO TEMPO DURA O RESFRIADO EM BEBÊS?

O período de incubação de um resfriado é entre 1 à 4 dias, sendo normalmente mais contagioso um ou dois dias antes que os sintomas apareçam, mas pode ser transmitidos em qualquer momento. Quando  nariz para de escorrer, o resfriado se torna menos contagioso. O resfriado comum dura de 7 a 10 dias (o 3° dia é geralmente o pior), embora uma tosse residual possa demorar por mais tempo. 

DICAS PARA TRATAR O RESFRIADO EM BEBÊS
Para ajudar a tratar o resfriado comum em bebês, tente estas dicas:
  • Monitore o muco. Um nariz carregado pode ser muito desconfortável para o seu bebê, trazendo dificuldades para ele respirar e para vocês dois dormirem. Faça a sucção do excesso de muco usando NoseFrida que é gentil para o nariz do bebê e seguro. Antes disso, aplique algumas gotas de solução salina ou spray para facilitar a sucção.


  • Elevar o berço. Eleve o lado do berço onde seu bebê fica com a cabeça, colocando alguns travesseiros ou outro suporte embaixo do colchão para fazer com que o bebê respire mais facilmente.
  • Aplique uma pomada hidratante. Massageie VICKS Baby Rub no peito e costas do bebê antes de dormir, que é uma pomada não-medicamentosa, com fragrâncias de eucalipto, alecrim e lavanda, que ajudam a acalmar e relaxar seu bebê.
  • Insista na ingestão de líquidos. Aumente a ingestão de líquidos do seu bebê para repor aqueles perdidos através da febre e corrimento nasal. Aposte nos líquidos quentes (caldo de frango, por exemplo). Também alimente seu bebê com comidas nutritivas, incluindo as ricas em vitamina C. Se o seu bebê ainda não está ingerindo sólidos, continue com a amamentação ou fórmula.
  • Dê um banho "Respire Melhor". O vapor e os vapores calmantes são excelentes para reduzir o congestionamento nasal. Então um banho com bastante vapor, e ainda usando Johnson's Soothing Vapor Bath é perfeito para fazer com que o bebê respire melhor.
  • Fale com  seu médico sobre os medicamentos seguros: Converse com seu médico sobre as opções em caso necessário. Paracetamol é seguro para bebês acima de 2 meses e ibuprofeno é seguro para bebês com idade acima de 6 meses. Mas lembre-se, consulte seu médico antes!

PREVENINDO RESFRIADOS EM BEBÊS
Infelizmente, não há como proteger completamente seu bebê contra vírus de resfriados. A primeira maneira para se prevenir o resfriado é lavando as mãos do bebê frequentemente. Ou se não puder lavar no momento, use gel ou lenços sanitizantes, mas saiba que eles não são tão eficazes quanto água e sabão na remoção dos germes. Tente também manter seu bebê longe de pessoas com resfriados e desinfete superfícies que podem estar contaminadas com vírus de resfriados. Amamentação também pode reduzir a susceptibilidade de pegar um resfriado, mas não é infalível.

QUANDO LIGAR PARA O MÉDICO?
Em episódios de resfriados comuns, não há necessidade de visitar o pediatra. Mas se o seu bebê tem menos de 3 meses ou se é o primeiro resfriado dele, é uma boa idéia entrar em contato com seu médico para deixar a cabeça mais tranquila. Caso contrário, observe o aparecimento dos sintomas abaixo, que indicam que o resfriado do seu pequeno está ficando pior e ligue para o médico:
  • Parece estar muito incomodado (muito inquieto durante a noite ou tem alguma dor que o faça acordar - difícil de detectar em bebês)
  • Está letárgico
  • Se recusa a comer e beber
  • Febre acima de 38.8°C ou febre mais baixa que dura mais de 4 dias
  • Tosse que está piorando ou continua durante o dia, após outros sintomas terem desaparecido
  • Respira mais rápido que o normal
  • Possui descarga nasal esverdeada, de mau cheiro, do nariz ou da tosse
  • Tem glândulas inchadas no pescoço
  • Está puxando as orelhas
  • Possui sintomas há mais de 10 dias
Se o seu bebê aparenta ter um resfriado duradouro, ou um nariz escorrendo continuamente, ou resfriados frequentes (especialmente se acompanhados de olheiras), pergunte ao seu médico sobre possíveis alergias (embora sejam raras em bebês).
Fonte: https://www.whattoexpect.com/first-year/health-and-safety/colds-in-babies/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Unicef cria cartilha com 10 passos para alimentação e hábitos saudáveis até os 2 anos

Como deve ser a alimentação das crianças do nascimento até os dois anos de idade? O Unicef criou uma cartilha com 10 passos para ajudar as...